MÃES DA FAVELA FUTEBOL CLUBE

CUFA lança campanha nacional com clubes de futebol para arrecadar alimentos para as Mães da Favela

O Mães da Favela Futebol Clube pretende arrecadar 350 toneladas de alimento em média por estado em uma semana - de 21 à 27 de Junho.

Central Única das Favelas decidiu unir forças com a Comunidade Door, a Frente Nacional Antirracista e clubes de futebol por todo o país e lançar a campanha Mães da Favela Futebol Clube. Para realizar o projeto, parcerias estão sendo fechadas com os clubes de todos os estados e de todas as divisões. Até o momento já são 44 clubes confirmados, entre eles: São Paulo, Corinthians, Palmeiras, Santos, Internacional, Grêmio, Flamengo, Vasco, Fluminense, Bahia, Vitória, Goiás, Ceará, Fortaleza, entre outros.

A ação tem como objetivo arrecadar alimentos e distribuí-los para as famílias em situação de vulnerabilidade de todo o Brasil através do programa Mães da Favela, da CUFA. A expectativa é que sejam arrecadados, em média, 350 toneladas de alimentos por estado, totalizando 12 mil toneladas de doações, o equivalente a 100 milhões de reais. O início da campanha será no dia 21 de junho, segunda-feira.

A partir dessa data, as pessoas ou empresas, torcedoras dos times, que quiserem contribuir, poderão levar suas doações até o estacionamento dos clubes participantes. Esses alimentos ficarão armazenados até o final de semana de 25, 26 ou 27 de junho, a depender do calendário de jogos de cada time.

Neste final de semana serão realizadas ações nacionais, quando as lideranças das CUFA’s nas favelas irão retirar as doações e levá-las para as famílias cadastradas no Mães da Favela.

“As pessoas sabem que estamos atravessando um momento difícil e tem se mostrado muito solidárias, mas também percebemos que essa percepção do povo aliada ao apoio dos representantes de uma paixão nacional, que é o futebol, engaja muita gente a doar, e dessa forma esperamos conseguir apoiar ainda mais as Mães da Favela que precisam. É um momento de união, não existe rivalidade entre clubes.” afirma Celso Athayde, fundador da CUFA.

Além dos clubes, o projeto também conta com doadores master, doadores de prata e apoiadores. Assinam como parceiros master as empresas, Assaí Atacadista, Volvo Car, Carrefour Brasil, VR Benefícios, Gol Linhas Aéreas e Cab Motores que apoiam a campanha nacionalmente. Já as patrocinadoras e apoiadoras, realizam doações locais, dentro de seus próprios estados

A ação tem também como parceiro a Agência África.


Sobre a CUFA:

Presente há mais de 20 anos nas favelas brasileiras, promovendo atividades nas áreas de educação, lazer, esportes, cultura e cidadania, em 2020 a CUFA se deparou com o desafio da pandemia. Sabendo que a crise atingiria ainda mais as favelas, concentramos todos os nossos esforços em captar doações para diminuir os impactos causados pela pandemia. Através do programa Mães da Favela, a instituição entregou cestas básicas, físicas e digitais, e chips com internet gratuita por 6 meses. No ano de 2020, a CUFA mobilizou R$ 187.596.960,00 milhões, atendendo a 1.502.358 famílias de 5 mil favelas de todo o Brasil, e até agora, mês de Maio de 2021, já comemoramos pelos R$ 76.923.360,00 milhões e a meta é atingirmos R$ 200 milhões arrecadados para as Mães da Favela em 2021.

Diante do agravamento do quadro da pandemia e da situação econômica do país, a CUFA, em conjunto com a Frente Nacional Antirracista e a Gerando Falcões, criou o Panela Cheia Salva. Uma campanha feita para arrecadar recursos para a compra de cestas básicas para pessoas em situação de vulnerabilidade.

Acesse para Doar

WWW.MAESDAFAVELAFUTEBOLCLUBE.COM.BR


CUFA - Assessoria de Imprensa - imprensa@cufa.org.br

Isabella Winckler
11 99837-0017 / bellawinckler@cufa.org.br