Notícia Cufa 




14/03/2017 - Ação Humanitária

Parceria entre Bangu e CUFA revitaliza fachada de Moça Bonita com grafites

Grafiteiros da Central Única das Favelas (CUFA), iniciaram nesta quarta-feira, 8, data em que o bairro de Bangu completa 344 anos, intervenção artística na fachada do Moça Bonita.

Grafiteiros da Central Única das Favelas (CUFA), iniciaram nesta quarta-feira, 8, data em que o bairro de Bangu completa 344 anos, intervenção artística na fachada do Moça Bonita. Os artistas irão estampar nos muros do estádio, um pouco da história do Bangu Atlético Clube. Dentre os grafites, haverá homenagens à saudosa família Da Guia e aos times campeões carioca de 1933 e 1966. Também serão lembrados os times campeão do Torneio de Nova York de 1960, vice-campeão Brasileiro de 1985 e o campeão da Taça Rio de 1987. A ação faz parte da parceria entre o Bangu e a CUFA, que visa o desenvolvimento social da região.

IMG-20170308-WA0007

– Estão sendo grafitadas as partes externas que contemplam as ruas Sul-América e Sidnei, proporcionando uma nova experiência visual ao bairro. Todas as iniciativas culturais e sociais partem da CUFA, e nada mais justo do que valorizar o legado grandioso do Bangu na nossa casa, no nosso estádio. Os torcedores, os simpatizantes pelo clube e os moradores, merecem ser valorizados com o resgate dessa história que deve se manter viva no cenário esportivo e na memória de quem mora e passa pelo bairro – explica Daniel Tavares, diretor de marketing do Bangu.

Além da nova roupagem do estádio, a união entre Bangu e CUFA também proporcionará neste sábado, 11, a final da Taça das Favelas, em Moça Bonita. Pela categoria feminina, às 8h30, decidem Corte Oito contra Comp. da Coréia. Logo depois, às 10h30, pela categoria masculina, jogam Jardim Bangu contra Vila Aliança. De acordo com a ONG, os ingressos estão disponíveis no Espaço CUFA, Rua Francisco Batista, 02, Madureira.







CUFA 2017 - Central Única das Favelas. Todos os direitos reservados.
Para entrar em contato conosco: midia@cufa.org.br